20 maio 2020

Afinal não

No dia em que ambos comprámos uma chaise longue igual, lembro-me bem, uma Cassina preta, eram bonitas naquele tempo, pensei que tivéssemos um futuro comum.

Afinal, não.

3 comentários:

  1. Ter como afinidade, com outra pessoa, uma chaise longue preta ( ainda por cima) acha que seria cousa para levar a algum futuro?

    Claro que não!

    ResponderEliminar
  2. Não impactou?

    Considerando as expectativas revelou-se disruptivo?

    Ora, Cassina preta, é espectável.

    Faltou um grande abraço, do tamanho de portugal.

    O povo unido...

    (não é apenas o post que é sempre o mesmo...)

    ResponderEliminar
  3. Anónimo20.5.20

    Ao ler o seu post, ate ri as gargalhadas porque lembrei-me de um amigo que tenho (anormal) que que "escolheu" a namorada pelo seu aspecto físico. Depois veio desabafar comigo a criticar a rapariga porque nao tinha nada em comum com ela. Ao que eu respondi: "escolhes a namorada pelo físico que tem, estás à espera de que?". Nem resposta tive.
    Vw

    ResponderEliminar