26 outubro 2013

Estou aqui a decidir se o Astérix novo é bom ou mau

Há coisas que não se recusam aos amigos e uma delas é tomar conta de dois gatos pretos durante um mês, o exacto período que durará a visita do meu amigo a Nova Iorque. Dois gatos que apenas me fascinam pelo nome por que atendem, Glenfiddich e Absinto. Pergunto-me porque razão terão estes nomes mas depois, conhecendo o meu amigo, creio que prefiro viver na ignorância dos factos. Nunca gostei particularmente de gatos, creio que o afastamento vem do tempo em que perdia minutos preciosos na minha manhã a tirar gatos minúsculos que se metiam junto ao motor do Alfa Romeo que tinha naquele tempo, uma espécie de tarefa sem fim, fechava o capot, recontava os gatos e faltava sempre um ou dois pares de gatos, pelo que o processo tinha que recomeçar. Estes gatos apostaram entre si que haviam de fazer tudo para me conquistar, mesmo sabendo que gatos não são animais que me fascinem. Vou resistindo como posso, mas afinal estes gatos chamam-se Glenfiddich e Absinto e são pretos e isso, parecendo que não, é capaz de ser o princípio de uma bela amizade.

10 comentários:

  1. Anónimo26.10.13

    Chame-lhes de vez em quando Alfa e Romeo, que eles vão gostar imenso do crisma.

    ResponderEliminar
  2. desejo sorte para essa empreitada. a única vez que tomei conta de animais (2 peixes) de uns amigos que foram a Macau, azar... morreram logo ao segundo dia. sem saber o que fazer, congelei-os para poder ir comprar outros iguais antes que eles chegassem. nunca soube os nomes dos defuntos. foi melhor assim!

    ResponderEliminar
  3. Não concebo um Asterix mau, mas posso surpreender-me. Gatos são 5 estrelas, turrinhas , coçar a barriga e ficam rendidos.

    ResponderEliminar
  4. É bom. Mas...
    Os desenhos são óptimos, a maior parte das piadas também. Há contudo, na minha opinião, falta de ligação entre algumas cenas.

    ResponderEliminar
  5. Tenho um gato preto que é um amor, umas festas na cabeça e eles ficam rapidamente conquistados. Não há como resistir a um gato.

    ResponderEliminar
  6. Ah nomes valentes!!! Mas eu, que amo gatos, o que mais gosto é de pessoas assim... que se vão deixando encantar por eles e quando dão conta, não há volta a dar.
    Vou esperar, pacientemente, pelo dia em que Tio Pipoco nos apresentará o seu próprio gato! ;)

    ResponderEliminar
  7. D. Pipoco rodeado de gataria... por esta não esperava. Têm um modo muito próprio de interagir connosco... um misto de "deslarga-me não vês que não sou um cão para me apertares assim?! Atenta mas é na tigela da comida que já está meia!" e "olhameste a ignorar-me... mas tu já me deste mimo hoje por acaso?". Faz de conta que falam, vá...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo26.10.13

    É desta que o Tio Pipoco se apaixona!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo27.10.13

    Ahhh, então irão ter um guardião durante o Halloween que se aproxima! Óptimo! Se as suas mãos estiverem cheias, eu posso tomar conta do Absinto! (Tem os olhos verdes?)

    ResponderEliminar
  10. Já esteve mais longe já...
    bich bich bich... bichaninho...

    ResponderEliminar