15 setembro 2013

Pipoco interage com bloggers que escrevem coisas

A São João, da Febre dos Fenos, a segunda blogger que mais aprecio na categoria "Bloggers que parecem inteligentes e disponibilizam ligação para Pipoco Mais Salgado" escreveu dois posts tremendamente contrários às minhas crenças, um a dizer que as melhores conversas não são as de olhos nos olhos e outro a informar que nada mais nos move senão dinheiro e interesse e a consequente adaptação desta premissa a esta coisa dos blogues.

Estou com uma tremenda dificuldade em decidir qual dos dois escolho para escalpelizar a situação.

19 comentários:

  1. haverá indivíduo mais teso que eu? adaptando a permissa a esta coisa dos blogues.se o dinheiro me movesse, entraria em insolvência ainda hoje pela madrugada que é uma altura boa para se declarar insolvente

    ResponderEliminar
  2. O meu voto vai para o segundo. A natureza humana é coisa que merece ser defendida.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi a minha primeira inclinação. Porém, isso dos olhos nos olhos também é coisa com potencial.

      Eliminar
  3. Proponho escalpelizar ambos.

    ResponderEliminar
  4. Essa Sra. da bloggo está certíssima, subjectivamente escrevendo. E são 0 a 2 a favor da equipa convidada.

    Vamos lá colegas, isto é o 101 da psicanálise, poças, caraças desculpem estes bordões linguísticos...

    Ora é assim,
    Proposição 1 (já não tenho corage para designá-la hipótese, heurística ou o caraças), proposição 1, pretendia eu escrever, dos olhos nos olhos:
    1. distrai sempre porque são a única coisa que a maior parte de nós tem em bonito.
    2. a vergonha da verdade leva-nos inconscientemente (a priori pelo menos) a baixar os olhos.
    3. para manter olhos nos olhos é necessário um esforço consciente (ou treino na aldrabice).

    1+2+3=12, base 3, se o tinto e valium ainda não entraram, isto é, se um gajo quer ter uma conversa respeitadora, coração aberto, com a sua Gaja, conta-lhe algo que o envergonhe de um modo sincero, e a gelatina do crânio encarrega-se desses pequenos aspectos da cinesia facial.

    Proposição 2, ora é só ir ali acima ler outra vez quais são as dores...ah, o interesse e o dinheiro.
    Vou falar só de interesse porque tenho de ir ali fazer um batido, mas a argumentação é igual se considerarmos que interesse no $ permite concretizar outros mais elevados, é portanto veicular...

    Ora vejamos, imagine-se que estamos com tenção de praticar o Bem, estou a partir da negativa para referencia de controlo, ora dizia, vamos praticar o bem. Se for só assim declamado é cócó politico que já nos enche aqueles buracos dos lados da cabeça.

    Mas pensemos agora ''tenho de praticar o bem', coisa que vem de dentro (mas distinta das outras várias coisas que também saem de dentro).

    É este 'de dentro' a cúspide da argumentação. Pois eu vou ajudar esta e aquela instituição (factos não mera extrapolação neste meu caso), mas Faço-o por INTERESSE!

    Perguntarão os colegas, ó trilobito mas então qual é o teu interesse?
    Caraças, não é óbvio meus colegas?! É fazer o bem para aplacar esta minha estridente consciência moral.

    Poças, é claro que é por interesse, senão tínhamos ficado em casa numa conchinha.

    Concluo. A Sra. tem razão, coração aberto e olhos baixos, manha se olhos nos olhos. Interesse sempre! Se não me interessasse respirar já me tinha finado.

    Isto é foi uma praga entediante por'cos assuntos são serios e peco desculpa mas já tou a a ver teclas sobrepostas aqui na lousa.
    Boas, Colegas.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo16.9.13

    Vamos pipoco, toca a acordar. O quartel abre cedo, e alguém vai ter de subir ao mastro e pôr bandeira.Até o cordel nos roubaram...

    ResponderEliminar
  6. bom dia, Sir.

    é com alguma tristeza que me vejo na incumbência de lhe pedir que reflicta (escalpelize?)um pouco sobre a sua observação «Bloggers que parecem inteligentes e...». não será inocente a colocação do verbo que nos lança no ignóbil mundo das suposições. "será inteligente?", "não será?". de que adianta saber todas as regras de etiqueta, olhar nos olhos como quem despe, se depois aplica um golpe desta natureza?...

    a menos que a duvida lhe surja devido à segunda parte da frase, «disponibilizam ligação para Pipoco Mais Salgado»... :b

    quando quiser e se quiser, escalpelize, por favor.

    agradecida.

    N




    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16.9.13

      Há bloggers que plagiam texto alheio minha cara, e parecem inteligentes, outros como eu andam por aqui em terapia comportamental e são patetas por natureza e inclinação filosófica. E ele ainda há esses infernais bots que mais dia menos dia chegam ao nível do próprio Ruben e depois é que será uma balbúrdia total.

      Eliminar
    2. bem sei, car@ anonim@, que os há. mas não é o caso em apreço. um cavalheiro certificar-se-á primeiro da idoneidade da situação, para correr o mínimo de riscos possível, e elogiará depois, sem receios, os «Bloggers que são inteligentes e disponibilizam ligação para Pipoco Mais Salgado».

      ;)

      bem que eu gostava de ver o Sir a escalpelizar esta coisa dos elogios, mas o Sir já avançou na corrida. não perde tempo com pormenores. e no entanto, a fonte riqueza deste blogue galardoado, (ou deverei dizer, o seu poder,?) reside especialmente nos pormenores.

      seja o que for.

      cumprimentos,

      N

      Eliminar
    3. Anónimo17.9.13

      É daquele automóvel que eles têm. E não só. A julgar pelo aforismo em epígrafe, O Mundo pode acabar Amanhã..., não há tempo para olhar para os lados quanto mais para trás. É como a seta de cupido após deixar o arco. ;)

      Cumprimentos, N.

      Eliminar
    4. muito bem observado, cavalheiro. muito bem observado.

      Eliminar
  7. O que eu disse foi: querer ter muitos seguidores só serve 2 objectivos: sentir-se amado ou fazer dinheiro. Sendo que relativamente à parte de "ser amado", acho preferível poucos e bons do que muitos e desinteressantes.

    (uau, subi um lugar no ranking pipocal)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabia que notaria a sua subida vertiginosa...

      Eliminar
    2. São estas pequenas vitórias que me fazem brilhar os olhos por detrás dos óculos cor-de-rosa.

      Eliminar
  8. Ah, e dos olhos não desarmo, que eu às vezes posso parecer inteligente, mas é porque engano muito bem. Se me olhasse nos olhos ia perceber.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo16.9.13

    Se fizesse o favor, escalpelizava os dois, sim? E, já agora, cumpria as promessas e ia lá escalpelizar, assiduamente na caixa de comentários da Filipa. O Tio e o Ruben, está bem?

    ResponderEliminar
  10. Anónimo16.9.13

    Não pode estar com seriedade a descurar as minorias desfavorecidas nesses atributos!

    Os invisuais nessa questão dos olhos?! Estarão eles diminuídos na eloquência?

    No que respeita à questão do dinheiro posso confirmar, pelo que me toca, infelizmente ser verdadeira. Como já anteriormente mencionei, poupo imenso dinheiro em psicoterapia graças à generosidade da blogo.

    Os meus cumprimentos,
    M.

    ResponderEliminar
  11. Respostas
    1. Anónimo16.9.13

      Pudera. O pessoal está todo na borga. O sr. professor também não explica nem se decide abrir os pobres sapos. Assim nem a aula acaba nem a gente almoça.

      ?
      (desculpem lá, já nem sei qual deles sou)

      Eliminar