07 julho 2016

Movimento "Queremos ouvir os bloggers a declamar poesia" - Ponto de situação

Quando lemos os blogs que nos agradam, talvez nos demoremos um par de segundos a pensar que aquele que escreve podia muito bem ser uma boa companhia para um gin tónico de fim de tarde ou que nos podia aconselhar o próximo livro. É só um par de segundos, logo a seguir voltamos a pensar que está tudo muito bem assim, que os blogs são os blogs e as pessoas são as pessoas.

Mas depois há a magia da voz. Se vos apetecer, e já apeteceu à Palmier Encoberto, sempre pronta para tornar isto dos blogs um lugar divertido e ao não menos disponível para alinhar nestas pequenas bizarrias, Senhor Ministro (que passa a figurar partir de hoje nesse altar sagrado que é a minha lista de bons blogs), é deixarem-nos escutar as vossas vozes, a declamar a vossa poesia favorita.

Isto em vos apetecendo, é claro...

Adenda:

(Cuca, quase a comover-me. Obrigado)

(E a NM tem uma voz tão doce, não tem?)

(Don Xilre, que tem a voz perfeita e me fez colocar o som no máximo e mesmo assim tive que encostar o ouvido às colunas)

(Caminho Sem Saber, absolutamente delicioso ouvir  declamar mesmo a sério. Lindíssimo)

(Isa, na prosa mas com o espírito. Um vozeirão, como era de esperar)

(A Mirone nunca nos falha. Um castelhano cristalino, digno de Lorca)

(A Loira, com aquela pronúncia do Norte que valoriza qualquer mulher)

(A voz potente de C.N. Gil, num poema incrível sobre um dos meus sítios favoritos)

(E a voz da Linda Blue. Outra surpresa...)

(Mãe Preocupada. Uma beleza.)

(A voz maviosa e imaculada da Isa B., uma grande amiga desta casa, na interpretação segura de um poema brilhante que elabora sobre o periclitante tema da higiene íntima)

(Terminando o dia com chave de ouro, a Susana Rodrigues. Tão, mas tão bom...)

(E a Regina Machado, que não tem blog mas tem uma voz encantadora ,a dizer o nosso Herberto Helder)

(A Carla, a dizer um dos poemas que, por coisas cá da minha vida, é um dos meus favoritos. Isto está cada vez melhor...)

(A Maria Roque, uma maravilha. Se um dia me apetecer ter alguém que tome conta de mim, há-de ter uma voz assim)

(O enorme Impontual, que não podia declamar outro que não Bukowski)

(A Té, num poema muito bonito e numa voz ainda mais bonita)

(A No Name, com Carlos Drummond de Andrade, um poema belíssimo)

(A Maria Eu, com uma voz daqui até à lua e um grande poema de Herberto Helder)

58 comentários:

  1. Não é poesia, é prosa, mas podia ser poesia. Mostro a cara. E deixo aqui o link, sem o postar no meu espaço. Já se sabe, as regras servem apenas de mera orientação, em havendo criatividade e o objetivo seja cumprido, é o que importa. Bjos
    https://www.youtube.com/watch?v=hAr6iIh_3jA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Isa.

      (ah, a pronúncia do Norte...)

      Eliminar
    2. Não é a primeira vez que ouço isso, mas sou lisboeta de gema, apesar da costela minhota. Seja como for, acho que é mais o vozeirão que induz em erro do que propriamente o sotaque, não? Apesar de o reconhecer em algumas palavrinhas e nem sei de onde vem... Cheers

      Eliminar
    3. Obrigada :) beijinhos

      Eliminar
  2. Anónimo7.7.16

    Tio Pipoco tem voz bastante jovem, mas em nada juvenil ou insípida. Gostei da assertividade como declamou. Obrigada por este pequeno momento.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. Coisa de um take só, nos vídeos como na escrita. na verdade, não gostei do resultado final, Borges merecia melhor.

      Mas fica o gozo do desafio.

      Eliminar
  3. Sabia que o Dr. Pipoco ia acabar por reconhecer o meu imenso valor!

    (Maria Alice, Maria Alice, veja, veja! Conseguimos, é a nossa consagração! Abrace-me, Maria Alice, pode até beijar-me, que eu hoje estou magnânimo! Oh, Maria Alice, salte para os meus braços, vamos rodopiar um pouco por este blog, saltar de post em post, admirar as obras de arte, explorar-lhe os recantos, sentir-lhe o conforto! Oh Maria Alice, quanta felicidade!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro, o facto de me ter deixado inebriar pelo momento não significa graus de liberdade na sua percepção da minha acção...

      Eliminar
    2. Oh....Senhor Ministro! Oooohhhh! Beijo, sim! Chuac, chuac! Tome-me em seus braços, celebremos! Finalmente, o reconhecimento que tanto desejava. Bravo! Estou tão feliz pelo Senhor Ministro.
      Chuac, chuac! Ooohhh!

      Eliminar
    3. Maria Alice, então?... componha-se!, olhe ali o Dr. Pipoco de sobrancelha erguida a lançar-nos olhares lancinantes! Venha, vamos aqui para trás deste post...

      Eliminar
  4. Diga lá a verdade, foi a Palmier que montou o vídeo, não foi?
    Nem eu sei fazer estas coisas, quanto mais o Pipoco...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cuca, creio que se nota bem que fui eu a montar o meu próprio vídeo...

      Eliminar
    2. Não sei não. Isto está a parecer-me muito difícil ...

      Eliminar
    3. Quer dizer que também entra na brincadeira, certo?

      Eliminar
    4. Sim, mas declamo um poema meu. E primeiro tenho de passar pela terapia da fala para disfarçar aquela coisa de ser sopinhas de massa.

      Eliminar
    5. Declamar um poema seu é um outro nível da coisa.

      (vá lá...)

      Eliminar
  5. Eu aderia... Mas não tenho blogue! Dá para estender aos leitores não bloggers?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Evidentemente. Envia-me o vídeo e eu publico.

      Eliminar
  6. Cláudia Filipa7.7.16

    Se fosse blogger este era o tipo de coisa em que participaria feliz da vida.

    (gostei muito do pedaço de prosa a parecer poesia que a Isa leu)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cláudia, faça-me feliz e grave o vídeo. Eu publico.

      Eliminar
    2. Obrigada, Claudia, é de um livro encantador e muito poético, apesar da prosa. Literatura de primeiríssima qualidade... :)

      Eliminar
    3. Cláudia Filipa8.7.16

      Amanhã, Pipoco, amanhã, não é que vá ser nenhuma especialidade, mas quero ter tempo para fazer como quero fazer.

      Eliminar
  7. Eu gostava de participar... (Era só os meus filhos fazerem-me o obséquio de adormecer...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gostava que participasse.

      (leia-lhes Lobo Antunes)

      Eliminar
    2. Já não os ouço... Agora é dar aqueles 10 minutos de segurança e já gravo.

      Eliminar
    3. Após três quartos de hora a tentar fazer upload do vídeo...

      Eliminar
  8. Só para dizer que são Espectaculares!!! - Palmier Encoberto, PMS, O Senhor Ministro, Isa e Cuca (todos até à data, é a verdade) - e que à-vontade...Parabéns!

    [excelente também a mini Palmier...filha de peixe sabe nadar :)]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um bocadinho mágico, não é Té?

      Eliminar
  9. "Proponho-me, sem a mínima comoção, declamar estentoriacamente a estrofe grave e fria que ides ouvir."

    Alguns gostam de poesia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Absolutamente notável. Muito obrigado.

      Eliminar
  10. Anónimo8.7.16

    Sou só eu que não consigo aceder ao poema do Dom Xilre? Aiiii

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tinha sido gravado em cassete de ferro e foi entretanto passado para cassete de metal. Ouve-se um bocadinho melhor, agora...

      Eliminar
    2. Lady Kina8.7.16

      ahahahahahahahahahahahahahahahahahah

      (BASF ou TDK ?)

      Eliminar
    3. Maxell! (Para a leitora, tudo!)

      Eliminar
    4. Ah, também é a marca de eleição do Senhor Ministro.

      Eliminar
    5. Estimada Maria Alice, de quem tem o excelso gosto a que nos tem habituado, não esperava menos que Maxell e -- talvez -- um Nakamishi Autoreverse, pois claro. Aproveito para apresentar os mais prestimosos cumprimentos, extensíveis a'O Senhor Ministro.

      (Agora, se me permite, retiro-me, que estou a abusar da generosidade do nosso anfitrião).

      Eliminar
    6. Lady Kina8.7.16

      Pffffffffffffffffffffff... Modernices!

      https://www.youtube.com/watch?v=84C3txm-NdA

      Eliminar
  11. Ah, mais um movimento de sucesso! Juro-lhe que até aderia, não fosse dar-se o caso de
    a) eu é mais prosa;
    b) estou aqui sequestrada numa cave bolorenta e escura faz uns dias, sem previsão de data de soltura;
    c) o meu telefone é mais esperto que eu e tem essa funcionalidade (de fazer vídeos e lá o que é), mas eu não sei como a funcionalizar.

    Não faz mal, às tantas ainda escolhia uma coisa assim cheia de asneiredo ou um cântico revolucionário muito áspero, e lá se ia a lindeza do desafio.

    ResponderEliminar
  12. Acho que faltava ao movimento uma pronúncia do norte, já está. Tenho a dizer em minha defesa que foi uma tentativa falhada de declamar e que depois de terminado o vídeo me deu um ataque de gargalhadas e fui incapaz de repetir. Blogosfera, a quanto obrigas.

    ResponderEliminar
  13. Caríssimo,

    Tem aqui o meu modesto contributo

    https://umblogdiferentedosanteriores.blogspot.pt/2016/07/e-agora-neste-momento-qualquer-coisa-de.html

    :)

    ResponderEliminar
  14. Anónimo8.7.16

    Gostei tanto tanto tanto do poema de Dom Xilre. E tem uma voz lindissima. (mais bonita e grave que a do Tio Pipoco).
    Parabens pela iniciativa.
    VW

    ResponderEliminar
  15. Surpresa não tem duplo sentido?
    Estou para aqui a sentir-me um ovo Kinder :)

    ResponderEliminar
  16. São tão novinhos estes piquenos... Vozes lindas, suaves e frescas. Que maravilha poder ouvi-los.

    (Ideia genial, Senhor )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria, declame para nós. Gostava tanto de a ouvir.

      Eliminar
    2. Não se deve estragar a harmonia do momento, Mirone.

      Eliminar
    3. Eu também gostava que reconsiderasse, Maria.

      Eliminar
  17. Que movimento tão bonito!
    Estou a adorar ouvir as vozes das pessoas, ficamos tão mais perto uns dos outros, assim.
    É como um belo presente, um grande presente! (a sério, até já me emocionei)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Susana, o seu blog chama-se "Voz à Solta". É um sinal...

      Eliminar
    2. Pronto, já lá está.

      Eliminar
  18. Parabéns Pipoco, excelente iniciativa! Dom Xilre, que voz! Mãe Preocupada, que delícia de poema!
    Serão !!! a mais, mas são sinceros, e isso não se rebate.

    ResponderEliminar
  19. Peço desculpa de entrar no meio do convívio, mas vim só deixar esta coisinha. :)

    http://uma-rapariga-simples.blogspot.pt/2016/07/movimento-queremos-ouvir-as-vozes-dos.html

    ResponderEliminar
  20. Anónimo9.7.16

    com a tua voz, creio que acabaste de cortar a tesão a meio universo feminino da blogosfera. sorry :)
    não tens de todo voz de cognac ou de cohiba.
    Mas alguma vez terias que dar a voz. Compreendo-te, tomaste o risco :)

    Parabéns pela iniciativa. A blogosfera ainda vive nestes movimentos.

    ResponderEliminar
  21. Este movimento é fantástico! Parabéns a todos!
    [ainda bem que gosto de ler blogs...blogs assim, de valor!]

    ResponderEliminar
  22. Embora com o atraso que é timbre da casa eis a minha participação na magnifico Movimento "Queremos ouvir os bloggers a declamar poesia".

    http://oimpontual.blogspot.pt/2016/07/movimento-queremos-ouvir-os-bloggers_9.html

    Um abraço

    ResponderEliminar
  23. E pronto! Custou, mas está lá! :)
    http://amariasoueu.blogspot.pt/2016/07/herberto-helder-com-pronuncia-do-norte.html#comment-form

    Boa noite, Pipoco :)

    ResponderEliminar
  24. gostava muito de participar, da próxima vez :)

    ResponderEliminar

  25. Dizem que quem tem pressa come cru... e por isso eu não tive.
    Vim nas calmas e passo por aqui apenas agora para poder saborear a colheita de vozes e poesias.
    (ok, estou a brincar, não vim antes porque não tive disponibilidade, mas aos poucos lá vou conseguindo escutar estas pequenas maravilhas, começando, claro, pelas vozes daqueles que me são mais caros)

    Vim aqui por um outro motivo em particular: agradecer-te por esta bela iniciativa.
    Bem hajas !

    Um beijinho tímido
    (já que é a primeira vez que comento aqui no blogue)
    (^^)

    ResponderEliminar