30 abril 2016

Crescem num instante...


8 comentários:

  1. que bicha-cadela tão terrível! há-de ser o monstro das pantufas. (isto se tio as usasse, claro)

    ResponderEliminar
  2. Anónimo30.4.16

    É lindo, fofinho. Dá vontade de agarrar e brincar!

    ResponderEliminar
  3. Cláudia Filipa30.4.16

    Vê o que faz ser "Pipoco o terrível"? Nem o pobre animal que está a olhar para quem está a olhar com olhos de ternura e com as orelhas numa desarrumação de tanto entusiasmo escapa. Mas onde estão os oooohhhhhh? Nem um?

    Cãozinho que afinal és cadela, não ligues, isto é gente que lançou o coração para longe a pensar que aquilo era uma bola e nunca mais o encontrou. Para ti, oooooooooohhhhhhhhhhh

    (por falar em bola, parece que vai ser mesmo sofrer até ao fim. Que chatice ...)

    ResponderEliminar
  4. Que coisa boa, derreti!

    ResponderEliminar
  5. Poucas coisas existem neste mundo com o mesmo valor que o olhar que um animal lança ao seu humano. Haver quem seja capaz de um acto ou pensamento negativo após um olhar destes, só prova que anda por aí muita gente sem alma.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo2.5.16

    Tão bonita! (É uma menina, não é?)

    ResponderEliminar
  7. QUE COISINHA MAIS ADORÁVEL! Parece a minha Molly, awn!

    ResponderEliminar