24 julho 2015

Ciclo preparatório

Ninguém me perguntou, mas eu, que sou pessoa de bem, sempre vou dizendo que há uma fase da vida de um homem em que nada fica escrito na pedra, é a fase em que estamos prestes a comprar um Porsche a pronto e eu tenho suores frios com a antevisão desse dia aziago, não temo a próstata nem as mantas em cima do joelho nem os cruzeiros no Mediterrâneo nem as férias no Inatel, mas o dia em que se está a um bocadinho assim de se entrar num concessionário da Porsche, esse sim, é coisa que me atormenta, de maneiras que, se tudo é certo hoje e incerto amanhã, se nada é como é, não há razão para que os posts não tenham prazo de validade, era isto ou passar a ilustrar posts de cinema e citações de livros maus com retratos a preto e branco, parecendo que não é melhor assim, que os posts durem só o tempo que têm que durar e não se fala mais nisso.

16 comentários:

  1. Anónimo24.7.15

    Pipoquinho, (permite-me que o trate assim?) reveja lá esta frase "[...]não havia razão para que os posts não terem prazo de validade"

    ResponderEliminar
  2. Anónimo24.7.15

    Podia ao menos deixar os posts das suas "trocas de correspondência" com Rentes de Carvalho. É um pedido.

    ResponderEliminar
  3. 'tá bem, também me acontece ter ataques em que apago tudo, no facebook, e sei bem porquê... os posts têm sim prazos de validade, como os momentos, e as pessoas têm tendência a não entender os momentos. Nós às vezes também não entendemos os nossos momentos, temos até vergonha deles, por isso apagamos posts.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo24.7.15

    Chatice. Adorava revisitar alguns dos seus textos.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo24.7.15

    Ó tio, não faça isso! Então e eu que não venho ca todos os dias, não vou poder fazer um "zaping"? (não sei se é assim que se escreve).
    Mas entendo essa atitude. Escreve os posts num determinado momento, que não tem sentido ser comentado num outro dia/hora, que não aquele momento. Certo? Se assim for é melhor para sí...e pior para nos.
    VW

    ResponderEliminar
  6. Anónimo24.7.15

    Se onde está Porsche estiver escrito um nome de Mulher......até compreenderemos que se apaguem os registos do passado .
    Passa-se o mesmo com a História, com a história, com as histórias. Vão-se apagando os arquivos, limpam-se como as nódoas, para ficar tudo branquinho.
    Ah Pipoco, como gostamos de si .

    ResponderEliminar
  7. Cláudia Filipa24.7.15

    Olha! apertemos os cintos, vamos entrar numa nova fase. Sabe a única coisa que acho chata nisto, é que, logo agora, um ano e tal depois de ter descoberto os blogs, tinha começado a ler os seus posts antigos e estava mesmo a gostar. Relativamente a esse seu passado que andava agora a descobrir, só quero dizer mais isto e depois pronto, nunca ri tanto em frente a um post, como ri com a sua lembrança de dissertar sobre "a Anita não é bonita mas acredita que a noite cai". Já me fez rir muitas vezes, mas estar um post inteiro a rir agarrada à barriga de não aguentar mais, foi aquele e agora fico com alguma pena de já não poder ir lendo o resto. Bem, mas o que lá vai, lá vai.
    Até já, Pipoco.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo24.7.15

      ......e agora também vamos ter que dizer adeus à Cláudia, já viu Pipoco, quanta perda.

      Eliminar
    2. Cláudia Filipa24.7.15

      Oh! que pessoa mais fofinha. É só uma semana. Bem, no meu caso, não sei quando é que o Pipoco começa o caminho dele. Seja como for, havemos de nos aguentar todos sem falecer e portanto, é só um até já.

      Eliminar
  8. Mantenho a minha tristeza! Era aqui que muitas vezes vinha recuperar forças para colocar o salto alto...
    Há textos que (me) foram verdadeiras lições de vida...

    ResponderEliminar
  9. Lady Kina (em witch mode)24.7.15

    Curioso: ontem passei o dia em aliterações mentais (que não registei por isso se me varreram) a partir do provérbio:

    "Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca se acabe".

    Entretanto vem o Pipoco e corta o bem pela raiz e a nós deixa ficar mal. Assim somos,
    nos blogues como na vida.

    Farewell Mister Pipoco!

    https://www.youtube.com/watch?v=xeeosq6jGzE

    ResponderEliminar
  10. Pipoco teve um convite de uma editora afamada para passar para o papel o que por aqui foi escrevendo. E querem la ver que perdeu nova aposta?

    ResponderEliminar
  11. Anónimo24.7.15

    Tio, esse foi o primeiro ataque de bitching antes dos quarenta?

    Ponha lá os posts antigos de volta que valem muito mais do que isso dos porsches.

    Mas sabe tio, todos temos direito ao esquecimento.

    (Foi só uma manobra para apagar posts fofinhos, certo? Certo.)

    ResponderEliminar
  12. Ei!!!
    Ei!!!

    Amigo Pipoco, havia aqui coisas que (ainda) são propriedade intelectual dos participantes!!!

    Antevejo processos multi-milionários.

    E interrogo-me, terá finalmente ocorrido um motim no Céu?
    Terá Ruben estrela da manhã usurpado o trono, láudano misturado no gin?

    Onde é que está o nosso Pipoco?!!!!!
    Sequestrado por extraterrestres durante o caminho?????
    Pior, em interrogação existencial originada pelo Canetti?????
    (responsabilidade de certos colegas...)

    É fazer colecta caros colegas...
    Para pagar o resgate, pois claro, nem que seja só da cabeça com o cérebro lá dentro.

    (preocupa-me que o 1.º colega mais acima, na i/e-minência desta tragédia, esteja preocupado com a sintaxe do manifesto anti-história-anti-direitos-de-autor)

    ResponderEliminar
  13. Ah, meu caro, uma bicla em carbono, suspensão integral, dois valentes expostos ao clima agreste a ao caminho que conspira contra nós. Vai ver que isso lhe passa.

    Bolas também tenho € para um porsche. Mas para que? Estou a imaginar grandes problemas porque este boxter s é o ideal mas o cayman está bonito, e, raios, ainda não há € para ambos, recomecemos, 911? nãã, só o turbo ou o gt, demasiado musculados. Crossovers nem pensar, tornam a estrada exígua.

    Então? Não vamos regredir para autos franceses e os hyuraia estão um pouco além do orçamento, idem para o veyron, o mclaren e o laferrari. Aston Martin está bem mas é o bólide do bond que tem péssimo gosto para mulheres e bebidas...

    Voltamo-nos para as sobras, veja bem a complexidade do processo...

    Porque não? Para nós de meia idade sempre a contar, começar com algo confortável e modesto, um Bentley Flying Spur. Não, não é necessário um Maybach blindado enquanto os turcos não se voltarem para a Grécia.

    Fica concordado, Spur, preto com imterior branco ou creme? Estou mais inclinado para o creme mas preocupa-me o contraste.

    ResponderEliminar