20 outubro 2014

Os problemas das mulheres

Não interiorizar que existiu um tempo em que as cabeças se voltavam quando elas passavam.

E que já não é esse tempo.

12 comentários:

  1. E eu a ouvir isto, nem de propósito.
    https://www.youtube.com/watch?v=bU_bGYaa3FY

    ResponderEliminar
  2. Depende muito da mulher, se é que me entende bem!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo20.10.14

    Então quer dizer que aquilo do vinho do porto é mito???

    ResponderEliminar
  4. ainda há quem diga " ó tempo volta para trás"...

    ResponderEliminar
  5. Isso foi antes do advento do desodorizante. Agora só acontece aos homens.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo20.10.14

    Tio Mais Salgado, homens idem.
    Bjnhs,
    VW

    ResponderEliminar
  7. Cláudia20.10.14

    Esse é um problema sério, pode mesmo ser dramático, ver a beleza pela qual se sentiam e eram valorizadas ir desaparecendo, há quem não se conforme há, o que por vezes origina situações confrangedoras, nem me apetece brincar com isso, não aceitar o envelhecimento acaba por vezes com a dignidade e fica só decadência e a decadência é triste.

    ResponderEliminar
  8. As mulheres bonitas dão sempre nas vistas acredite!

    ResponderEliminar
  9. Essas são as mulheres com baixa autoestima, que privilegiam o TER ao SER. Precisam de ser desejadas pelo Homem, para se sentirem valorizadas.

    Normalmente vivem paixões avassaladoras, como um vicio que se vai apoderando delas depois quando a chama esmorece começam a ansiar por aquela adrenalina intensa e ai chegam à ultima estação a inexorável depressão.

    Felizmente estas mulheres de que falamos são apenas uma minoria.

    ResponderEliminar
  10. Caras Cláudia e Minnie.
    As mulheres foram, são e serão sempre belas e desejáveis. É imutável.
    Agora, o grande drama da humanidade é que o homem efeminizou-se e em vocês e na vossa sedução, vêem a concorrência.

    ResponderEliminar
  11. Ocorreu-me, caro Pipoco, que algumas (raras) atingem esse outro patamar que é as pessoas "passarem-se" quando elas voltam...

    O abraço de sempre.

    ResponderEliminar
  12. Viram-se as cabeças? Que muito que aprendo por aqui...
    Nunca olhei para trás...

    ResponderEliminar