19 maio 2014

E tudo vai bem

Existe um método infalível para o autocontrolo, quando estou prestes a ser desagradável para alguém imagino que aquelas poderão ser as minhas últimas palavras que aquela pessoa escutará da minha boca, imagino a pessoa a sair do meu campo de visão e um piano a cair-lhe em cima da cabeça, coisa fatal, a ideia de não poder mudar aquelas últimas palavras, não poder dizer à pessoa que afinal não era bem assim, acaba sempre por me tornar mais polido.

6 comentários:

  1. Isto hoje caro Pipoco é uma enchente de posts, que apesar de muitos, têm sempre algo que se lhe diga, ainda bem!

    ResponderEliminar
  2. Quem me dera ter tempo entre o que me vai na alma e o que me saiu boca fora, para fazer esse exercício. Oh. seria feliz. Creio. Ou então não. Talvez mais pesadinha (um peso que não se mede em kilos...).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. *me sai boca fora | E parece que teclas "adentro" também..

      Eliminar
  3. Anónimo19.5.14

    Hoje não há polimento que lhe valha...

    ResponderEliminar
  4. Anónimo19.5.14

    Está imparável. A malta a pensar que não tardaria a encerrar aqui o "tasco"...Keep up the good work!

    ResponderEliminar
  5. Mas por aqui ainda bem que não se autocontrolou com esta chuva de meios posts, que tem sido refrescante num dia de meio chuva (meios posts, li bem?).

    A este, tiro o chapéu. As (poucas) pessoas que roçam a perfeição e que tenho o prazer de conhecer, são assim. :-)

    ResponderEliminar