14 janeiro 2014

Serviços mínimos

Lessem os dos blogs metade dos livros que apregoam, corressem metade dos quilómetros que nos juram ter corrido, tivessem os seus filhos metade da inteligência que nos asseguram que têm, comessem ao pequeno almoço metade da dose de cereais integrais que nos mostram nas fotografias, tivessem os seus  casamentos de sonho metade da felicidade que insistem em nos apregoar, e já seria um mundo tão melhor...

23 comentários:

  1. Senti o arrepio estranho duma pontinha de inveja neste post, coisa pouco normal em nosso Senhor....

    ResponderEliminar
  2. Por essas e por outras é que, de certa forma, eu acabo sempre por falar mais da vida dos outros do que da minha. Assim não minto... (De resto, todos os relatos que faço das minhas vivências no metro de Lisboa são verdadeiros!)

    ResponderEliminar
  3. Anónimo14.1.14

    Não é muito bom, é mesmo óptimo!!!!!!!!!!!!!!!!!! Tudo dito ;)

    Rita

    ResponderEliminar
  4. Anónimo14.1.14

    Muito bom!

    ResponderEliminar
  5. credo, pipoco, a pôr assim em causa a blogosfera. por quem é, isso tem algum jeito. o que se passa consigo?

    ResponderEliminar
  6. O sr. Pipoco é sem dúvida o melhor profiler conjuntural da blogolândia.

    ResponderEliminar
  7. E no fim de contas, para que fazem eles isso?

    ResponderEliminar
  8. O Dom Pipoco não está a querer dizer que os/as bloggers nos enganam pois não? Então a vida deles não é assim tão maravilhosa? Como ousa insinuar isso?

    ResponderEliminar
  9. Se era, Pipoco... Se era...

    ResponderEliminar
  10. Anónimo14.1.14

    Falou e disse. ahah

    ResponderEliminar
  11. Tanta coisa quando o que mais conta é ser feliz!

    ResponderEliminar
  12. Não me diga que aquilo não é tudo verdade...

    ResponderEliminar
  13. Este seria um mundo melhor se comessem metade da taça de cereais integrais que nos mostram?

    ResponderEliminar
  14. Tivesse eu metade da infelicidade que digo ter, e o meu blog não seria o mesmo, pois não?
    Já alguém dizia: as coisas são como são.

    ResponderEliminar
  15. Logo agora que ia criar um blogue desses para ter muitos seguidores? ...

    ResponderEliminar
  16. Apanhou-me meu caro. Abuso de cereais integrais, apenas olho para as figuras da banda desenhada, ainda não acabei o prólogo do antigo testamento (aquela parte de fulano gerou sicrano), raramente saio do Porto e apenas para btt em Valongo, e ainda não me casei. Caraças. Agora conhece-me tão bem como a minha psiquiatra.

    ResponderEliminar
  17. Meu caro, fosse isso realmente assim e em vez de blogs teríamos realidades. E para realidades já nos bastam aquelas em que "mais salgado" é um perigo para o colesterol e não uma figura activa na luta pela consciência cívica deste meio que nos rodeia.

    ResponderEliminar
  18. está tão céptico porquê? Acha que até nos kms que correm mentem?? Deus!

    ResponderEliminar
  19. Eu ainda não tenho filhos...mas quando tiver vão ser brilhantes como a mãe e não precisam de correr...porque lá está...brilham.
    Os problemas do mundo no que dependerem disso...continuarão...

    ResponderEliminar
  20. Anónimo16.1.14

    Podia começar por si Tio...ahahahaha

    ResponderEliminar
  21. Anónimo16.1.14

    Possivelmente, poderíamos começar por si ...

    Maria Seleiro

    ResponderEliminar