18 janeiro 2014

A iniciar carreira nisto dos blogs? Pipoco ajuda.

Escreve em condições, ninguém se aguenta muito tempo nisto dos blogs só com fotografias de golfinhos e poemas de amores que nunca aconteceram.

Não pedinches atenção nem implores visitas. Nós, os consagrados, ficamos sempre constrangidos quando se põem aos saltos à nossa frente para nos chamar a atenção.

Pensa se a tua mãe gostaria de ler o que acabaste de escrever. Se tiveres dúvidas, não publiques.

Não é o fim do mundo escrever o post errado e não ser consensual. Respira fundo, a fúria e a memória das gentes dos blogs não dura mais que um dia.

Não tens que comentar tudo em todo o lado, um comentário é um bem precioso e deve ser usado com parcimónia. Não há nenhum problema se não tiveres nada a dizer ou valor a acrescentar ao que foi escrito.

Tem tento quando falas dos teus filhos. O problema não é se eles vão gostar de ler mais tarde, o problema é se os amigos dos teus filhos estão a ler agora.

Nunca esqueças que, por pior que seja a escrita, há pessoas por trás dos blogs. Sê gentil, pessoas merecem sempre respeito.

Não há problema em fazer mais do mesmo, se o fizeres melhor.

Nunca expliques o post de ontem, primeiro porque já ninguém se lembra nem se importa, depois porque, se precisas dar explicações, o problema não é quem lê, o problema és tu.

Não te deslumbres com três mil visitas por dia. Qualquer um consegue isso, lembra-te sempre que três mil pessoas é a assistência de um Arouca-Moreirense e a imagem que vemos na televisão é a de um estádio vazio.

Nunca escrevas posts como este ao sábado, quase ninguém vai ver. Guarda-os sempre para segunda feira de manhã e terás um "hit", pleno de comentários aprovadores, um afago no ego.

100 comentários:

  1. ahahahaahahah! Sir, há uma anónima a tomar notas deste lado!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahahahah?

      (quer rever o início do seu comentário, nAnonima?)

      Eliminar
    2. com todo o prazer, Sir! revejo que, na gargalhada sincera, me enganei na alternância entre a vogal e o insonso h. mil perdões, Sir. não voltará a acontecer.

      reformulo, então: ahahahahahahah! Sir, há uma anónima que continua a tomar notas deste lado!

      (sorriso largo)

      Eliminar
    3. Bastante melhor, nAnonima.

      (é sempre desagradável, enganar-mo-nos no gargalhar)

      Eliminar
    4. a aprender com os melhores, Sir!

      (uso o plural, apenas para disfarçar. sei que é modesto, Sir.)

      Eliminar
    5. Anónimo18.1.14

      Neste post,muito interessante e também original pelos comentários aos comentários, não consegui perceber se o enganar-mo-nos era erro ou ironia.Como nAnonima não "acusou", quem sou eu para o fazer ?
      Mas faço !
      A grande angústia veio porém da frase "isto é bem capaz de acabar"
      NNNNNÃAAAAAOOOOOO

      Eliminar
    6. Era erro. Grosseiro...

      (obrigado)

      Eliminar
  2. Vou fechar o blogue. Se a minha mãe lesse o que escrevo, deserdava-me.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é um mau blog. Não apague, eu dou uma palavra à sua mãe.

      Eliminar
  3. Gostei das dicas ..não tenho blogue, mas se um dia tiver venho ler novamente a publicação...mas então Pipoco isso de não escrever ao Sábado é mais a regra do "chamar à atenção..." ou aquela " faz o que eu digo mas não faças o que eu faço"?!!!.....hum...já percebi não precisas de afagar o ego!....: D

    Bom Sábado! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sorriso, se não precisássemos de afagos no ego, não tínhamos blogues.

      (bom sábado. e bom domingo, também)

      Eliminar
  4. Obrigada Pipoco... tantas coisas que eu não sabia. Graças a si vou reinventar-me o mais rapidamente possível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anouc, reinvente-se, sim, não lhe fará mal nenhum...

      (nem imagina o número de coisas que não sabe)

      Eliminar
    2. Não sei nem quero saber. Já sou infeliz que chegue.

      Eliminar
  5. Não se importa que eu publique no FB, pois não, Senhor? É que é de valor ! Manterei os créditos, claro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É publicar, MRoque. Ainda que seja no facebook...

      Eliminar
  6. Anónimo18.1.14

    Presunção e água benta, cada um toma a que quer!!! Que falta de humildade ó pipoco! É impressão minha ou você está a atravessar a chamada fase do deslumbramento blogosférico? Cuidado com os trambulhões...é q nada dura para sempre. Antes de tentar dar lições de "moral" tenha a ousadia de olhar para dentro de si, sir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deslumbradíssimo. E sim, mais trambolhão menos trambulhão, isto é bem capaz de acabar.

      Eliminar
  7. Estou agradavelmente surpreendida com todas estas suas respostas, caro Pipoco!
    Também agradeço as dicas, embora esse detalhe das três mil visitas por dia que qualquer um consegue... hum. Mas como também não faço ideia do que é um Arouca-Moreirense... fico tranquila. :-)
    Bom fim de semana.
    Susana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Susana, se conseguir dormir descansada com o que escreve, três mil visitas por dia é só o início.

      (e um Arouca-Moreirense quase nunca é coisa boa de se ver)

      Eliminar
  8. Aprendam porque a parte da mãe é importante, foi por isso que "o meu pipi" acabou.
    Ass. - Pessoa deslumbradíssima com as suas trezentas visitas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Joana, trezentas visitas é notável.

      (por exemplo, eu não tenho trezentas visitas...)

      Eliminar
  9. Respostas
    1. Obrigado, Alice. A validação externa é importante para mim.

      Eliminar
  10. Vejo, portanto, que fiz bem em apagar todos os meus blogs (aquela parte da mãe é letal... Arruma com metade da blogosfera...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fez bem, Sininho. Genericamente, fazemos sempre bem quando apagamos os nossos blogues.

      Eliminar
  11. "Pensa se a tua mãe gostaria de ler o que acabaste de escrever"

    Mas é suposto uma mãe ler o que os filhos escrevem num blogue pessoal tendo o filho mais de 18 anos? Será uma espécie de controlo parental para jovens até aos 40 anos (sim, a malta agora é jovem até aos 40 anos, mas por pouco tempo, não tarda a prorrogação dá-se).

    Faz-me lembrar aquelas figuras publicas que são entrevistadas na tv e têm tudo bem estudado: ah e tal não posso dizer isso porque a minha mãe está a ver o programa... beijinhos mããããeeeeeeeeeee (santos de pau oco, talvez).

    Ou vai na volta a mãe lê o blogue da filha que conta pormenorizadamente o que fez com o namorado ontem à noite, a mãe adora e faz like. A filha chega a casa ansiosa por contar mais uns detalhes, sentam-se ambas no sofá da sala com os pés (calçados) em cima do sofá, em amena cavaqueira enquanto bebem uma bejeca pela garrafa, dai a 20 minutos a mãe sugere que vão até àquela discoteca da moda e pergunta à filha: emprestas-me aquela tua mini saia de coraçõezinhos, as botas da tropa e a lingerie com ursinhos, quero sentir-me uma mãe muito à frente. Chegam à tal discoteca da moda e os amigos da filha exclamam acerca da mãe da mini saia com coraçõezinhos que é da filha: fixe, minha, tens uma mãe muita boa!

    Pois... (achei que era melhor acabar com um pois e reticências)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria, era um epílogo, essa conhecida figura de estilo que usamos quando transmitimos de forma suave uma ideia que não é agradável.

      (terminou com uma frase entre parentesis)

      Eliminar
    2. "(terminou com uma frase entre parentesis)"

      Ouch! Com essa é que me chutou p'ra canto.

      (espero que se possa dizer ouch e p'ra neste blogue snob-chique)

      Termino sem parentesis...

      Eliminar
  12. Anónimo18.1.14

    Gostei de o ler, mas não deixa de ser curioso como alguns dos blogs mais lidos de Portugal desviam-se bastante daquilo que descreve.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não são lidos. São visualizados. Fiquei feliz pote ter gostado de me ler

      Eliminar
    2. Anónimo18.1.14

      Muito bem observado. De facto, só quem muito visualiza e pouco lê é que apreciará ser apelidado de "pequeno pónei", "xuxu" e afins.

      Eliminar
  13. :D:D:D::D:D:D
    Excelente!

    O regresso de Pipoco.
    Pipoco contra a Blogo.
    As 1001 suras de Pipoco.

    E loquaz também nos comentários. Um Homem Novo por assim dizer.
    Magnífico.
    Abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro Onónimo, é sempre um privilégio ler as suas observações.

      (mas espera demasiado de mim, meu caro...)

      Eliminar
  14. essa da mãe é matadora. ou tens mais de 40 anos e estás-te borrifando.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isa, não conheço ninguém que se "borrife" para o que uma mãe pensa.

      Eliminar
  15. Se a minha mãe lesse o que escrevo... Ai se a minha mãe lesse o que escrevo... Nada aconteceria, sabe, Pipoco? É, é uma sorte ter uma mãe como à minha, uma mãe que me dá liberdade criativa (eu sou um desses da blogosfera que emprega adjetivos gastos do uso que lhe dão).

    A minha mãe não sabe quem sou. Sou desses filhos do submundo, desses adolescentes que em casa se escondem por trás da porta fechada e na rua se mostram com a graça de uma prostituta viciada no ser nada.

    Tenho duas vidas, a que a minha mãe criou e a que essa criação fez fugir entre o regaço e o amor das histórias para adormecer que ouvia quando nem andar sabia.

    Sou assim. A minha mãe sabe-o.

    É por isso, Pipoco, que pela primeira vez comento para lhe dizer, entre desculpas cordiais, o meu amigo está errado.

    Não há problema, todos erram, mas por vezes colocamos as pessoas em topos tais que quando erram... quando erram fazem-nos perder a fé em nós mesmos. Porque se os grandes erram, como não haveremos nós de errar?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rafael, antes de mais agradecer-lhe este seu primeiro comentário.

      E sim, o Rafael está certo, as mães sabem sempre e isso deita por terra o meu conselho.

      Um abraço

      Eliminar
  16. Boas dicas sempre bem saber meu caro amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas dicas sim.

      A propósito, passe no meu post ali em baixo, há por lá grandes surpresas.

      Eliminar
    2. Na mouche caro Pipoco!

      Eliminar
  17. Obrigada senhor por ser tão bom e generoso.. Tomei nota de tudo!! (Agora isso das 3000 visitas ser para qualquer um... Hum... A sério??... Glup!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. NM, nova por estes lados, certo?

      (nota-se a léguas, escreveu Senhor com "s" minúsculo...)

      Eliminar
    2. Engana-se meu caro, por acaso já o leio há muito! Acontece é que só o comentei quatro ou cinco vezes e é raro ler os comentários (mas também lhe digo, algumas das suas caixas de comentários são uma verdadeira inspiração). Certamente daí não saber do que fala com isso do "S" (ou não me diga que auto-estipulou por sua livre iniciativa isso do "Senhor").

      Eliminar
  18. Não auto-estipulei, são as massas que se organizam espontaneamente e deliberam que o tratamento correcto é "Senhor". Eu, magnânimo, limito-me a aceitar.

    (a caixa de comentários é a melhor coisa que tem este blog, faz mal em perder...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahahahah!!... Faz bem senhor faz bem... Se as massas assim o decidiram, acho muito bem que o aceite. (Quanto às caixas de comentários, suspeito que sabe muito bem que não as perco todas... Simplesmente o tempo não me sobra e eu só vejo as que "me batem forte cá dentro"...)

      Eliminar
    2. Outra coisa, NM, iniciou o comentário com "ahahahahah". Se puder evitar...

      (não me leve a mal, sou o provedor da estética deste blog)

      Eliminar
    3. Oh cum caraças... (Já sei, já sei... Quer dizer, não sei mas adivinho, que não goste nem do "cum" nem do "caraças" nem às tantas do "Oh".)
      Mas terá de concordar que assim fica difícil de comentar aqui com tanta pantominice. Sabe o que é que podia fazer? Criava um manual para comentadores e explicava lá tudo... E deixava acessível para download no cabeçalho do blogue. Que lhe parece?

      (E depois, não querendo ser picuinhas, eu comecei com letra maiúscula, que ainda assim terá de concordar que é melhor que o comentário começar com "a" minúsculo.)

      (Só mais uma coisinha, quando escrever o tal manual, não se esqueça de explicar como é que se pode aqui expressar que uma pessoa se riu. Sim, que isso de não gostar de carinhas com :, ), D, e afins até eu sei...)

      Eliminar
    4. Isso, dê-me ideias...

      (pode escrever a incrível fórmula "o que eu já me ri com isto!")

      Eliminar
    5. Ah... Então uma pessoa tem de ESCREVER efectivamente (assim mesmo à antiga com palavras e frases completas) que se riu... Pois... Nunca me tinha ocorrido essa opção. Muito agradecida pelo esclarecimento senhor. Que tenho o resto de um bom fim de semana.

      Eliminar
    6. Obrigado, NM.

      E felicidades, que seja uma hora pequenina.

      (sempre ansiei pelo momento em que desejaria uma hora pequenina a alguém)

      Eliminar

  19. Eu cá, apesar de não ter nada de valor a acrescentar, e contrariando os preciosos ensinamentos vertidos supra, gostaria de aproveitar a oportunidade para ter uma resposta ao comentário por parte de Pipoco, O Mais Salgado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Palmier, a menina acrescenta sempre valor.

      Cá está o comentário, quer dedicar a alguém?

      Eliminar
    2. Nem pensar! Um comentário de Pipoco é um bem escasso. E este é só meu. Guardá-lo-ei bem embrulhadinho na minha caixa de relíquias!

      Eliminar
  20. Veja lá se não tem um comentário meu no lixo. Não vale grande coisa é certo, mas também exijo direito de resposta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São João, não tenho.

      (espero ter respondido à altura...)

      Eliminar
    2. Bom, era só para dizer que a minha mãe lê o meu blog, deixa comentários como anónimo e às vezes até me telefona para discutirmos "certas temáticas". Veja lá que até já me perguntou por si, se ainda era da família Espírito-santo por parte do Salgado (o que eu já me ri com isso). Depois queria também dizer que aprecio muito a expressão "ter tento" que era coisa que meu pai dizia amiúde "tem tento na língua" mas parece não ter tido muito efeito. Obrigada pela resposta ao comentário, as suas respostas nunca desiludem.

      Eliminar
    3. São João, não tem que agradecer. Afinal recomendou-me o livro que estou a ler e isso garante-lhe bastos créditos.

      (um respeitoso beijinho para sua mãe)

      Eliminar
  21. Tio, O Onisciente. Imagino o porquê (mais que imagino, tenho quase a certeza), mas gostava da confirmação de que afinal também tem defeitos: O nome dado ao blogue... porquê meu Tio, porquê?
    De resto, está sempre tão bem que dá gosto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Palavras, por definição todos temos defeitos.

      O nome? Ora, para me colar à Pipoca Mais Doce e ter uma base de leitores que vêm cá parar por se enganarem no google e outros que vêm cá parar para ver se isto é um daqueles blogs irónicos. Por que outra razão havia de ser?

      Eliminar
    2. Francisca19.1.14

      Mas olhe que o nome também afasta leitores. Apesar de saber da existência do blog há muito tempo, vim cá pela primeira vez na altura do diálogo com Rentes de Carvalho (porque fui alertada por uma amiga que sabe que gosto de Rentes de Carvalho); tinha partido do princípio que, se tinha necessidade de se colar a outro blog na escolha do nome, dificilmente escreveria algo interessante.

      Mas presumo que tudo depende do tipo de leitores que quer atrair.

      Eliminar
    3. Rentes de Carvalho, do alto da sua infinita paciência, deu-me alguma credibilidade, de facto.

      (folgo saber que mudou radicalmente de opinião sobre o interesse do que escrevo, Francisca...)

      Eliminar
    4. Anónimo19.1.14

      Interessantes as referências ao "Nome do Blog". Talvez por não ter sido abordado esse aspecto nas ajudas. Quem sabe ?
      Há tanta subtileza, tanta sofisticação e tanta graça ,escondidas no blogo-mundo fascinante do seu blog, que é mesmo um gozo da mente andar por aqui.
      até amanhã.

      Eliminar
  22. Perante idêntico desígnio, não relativamente à arte de bem blogar (passe o verbo inexistente) mas mais à ciência de bem casar, D.Francisco Manuel de Melo deixou ainda a seguinte nota, que me parece de mérito (e que não duvido que estivesse também na sua mente, caro PMS):

    "O primeiro que aconselharei a V. M. sera que se não fie em nada sò do meu
    voto; pois suposto que em mì possa haver vontade para o bem servir, póde ser que nem por isso haja entẽdimento para o bem aconselhar; porque entendimento, e vontade ainda se ajũtão menos vezes que a honra, e o proveito: e ella com que seja potencia poderosa, nem sempre guia ao acerto, se lhe faltão olhos de sufficiencia."

    Aproveito para deixar cordiais cumprimentos e votos de um excelente fim de semana.

    ResponderEliminar
  23. Meu caro Xilre, fantástico comentário. Gosto imenso de o ter por cá.

    Obrigado

    ResponderEliminar
  24. O estádio do Arouca leva para aí 4.000 pessoas, pá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Preciosismos, caro Johnny. Não me tire a imagem visual de um Arouca-Moreirense sem ninguém e estão lá três mil pessoas...

      Eliminar
  25. Não tiro nada. E se tirasse era o Wilson Eduardo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E lá ganhámos. Com Wilson Eduardo e tudo. Gigantes!

      Eliminar
    2. (mas foi difícil, caramba, sofrimento com o arouca!)

      Eliminar
  26. Muito inteligente e sensato. Basicamente, se seguirem estas regras, podem não ter muitas visitas, mas ao menos serão respeitados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente, S*, esse é o ponto. Inteligência e sensatez resulta quase sempre em poucas visitas.

      Eliminar
  27. Só vim aqui deixar mais meia dúzia de palavras, porque factos inéditos e extraordinários como Pipoco , o Mais Salgado responder a TODOS os comentários que hoje lhe colocaram na respectiva caixa fizeram com que o ratinho do post de hoje fosse elevado á escala AAA, podendo trocar uma cópia autenticada no e- Bay por uma 8- track tape dos Kiss.
    ( no Coisa, dão-me em troca um verniz com purpurinas, e no OLX um Almanaque Borda d'Água de 1973)
    Se atingir os 100 comentários troco por um álbum duplo em vinil do David Alexander Winter... Estou deslumbrada !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora, Maria Roque, quem comenta posts a um sábado merece os meus respeitos.

      Eliminar
    2. * queria dizer rating e não ratinho ( nem me atrevo a digitar ás e agás...), e fico a pensar que realmente preferir-se a caixa de comentários de Nosso Senhor Pipoco, o mais Salgado, a ir assistir a You Can't Win Charlie Brown, no CCB, a um Sábado à noite é following de grande mérito.

      Eliminar
  28. Anónimo18.1.14

    PMS, a frase " e nunca escrevas posts como este aos sábados, quase ninguém vai ver", colocada estrategicamente no ultimo item das ajudas, a duas linhazinhas do final, continha um potencial fortissimo para fazer explodir muitos comentários. Com as réplicas que o PMS lhes deu de imediato, caso não habitual e o esprit de finesse dos seus comentários e outras coisas mais, resultou este fogo de artificio belíssimo !!
    (eu comentei muito cedo, ainda o sábado estava no princípio e chamei ao post interessante e original . Fui muito ultrapassada )
    Um domingo feliz , PMS.



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado.

      (foi um post interessante, mas nada original)

      Eliminar
    2. Anónimo19.1.14

      Foi um post interessante e muito original : não é a primeira vez que comenta comentários do post da véspera ?
      (se não é a primeira vez, não é comum, daí que não venha grande dano ao adjectivo)

      Eliminar
  29. Se uma pessoa criar um blog erótico, é suposto esperar a aprovação da mãe?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Filipa, é um bom ponto. Vou meditar.

      Eliminar
  30. Boas noites. Sou a ultima? Atrasei-me num jantar de família. Peço desculpa bater tão tarde. Sou uma uva-passa, já se sabe que aos velhos tudo se perdoa. Perdi a tineta, e por estes dias fiz um blog. Não contei a ninguém, mas tenho imensas visitas. Desconfio que possa ser a eterna curiosidade que o bloguer tem de saber sobre a vida sexual na 3° idade. De resto gosto muito de V. Exa. especialmente pela forma serena como transmite a mensagem. Nada parece fazer tresloucar a mente. Isso é que o consagra. Isso é que é a maturidade do bloguer. Uma abraço a todos. Boa noite.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uva Passa, chegou a tempo e sereno foi o seu comentário.

      Eliminar
  31. Anónimo19.1.14

    O que eu realmente gostaria de saber é, como é que um post que já foi escrito algumas dez vezes, resulta em oitenta comentários, ainda que metade sejam seus...
    (a magia dos ídolos é coisa que nunca deixará de me espantar...)
    P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. P., há variadas razões para que as coisas sejam como são. Primeiro, sou eu quem escreve o post dez vezes e isso faz toda a diferença. Segundo, como bem releva no seu comentário, metade dos comentários são meus, o que também faz toda a diferença. Terceiro, as pessoas entraram alegremente no espírito da coisa e essa é a razão mais relevante.

      (oitenta e três. e a crescer...)

      Eliminar
  32. venho aqui com muita assiduidade, porque gosto do que aqui se escreve. nem sempre comento, porque como foi aqui dito, um comentário é um bem precioso e não deve ser feito como uma mera banalidade. acho que a blogosfera deve ler bem estes "mandamentos" porque mais não são do que um manual de boas maneiras e educação. e devemos ser sempre educados. obrigado pipoco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo19.1.14

      Amém!

      Eliminar
    2. Valmont, agradecido estou eu. E sim, talvez seja uma súmula de boas maneiras, mais do que um post requentado.

      Eliminar
  33. E aos Domingos, é pertinente fazer posts ou sou só eu e meia dúzia de almas penadas que lemos blogs em dias de descanso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aos domingos também faço. Em podendo, como é bom de ver...

      Eliminar
    2. Mas isso é o Pipoco, que também faz ao sábado, mesmo tendo aconselhado a não fazer, e ainda assim tem 80 e tal comentários num dia em que supostamente ninguém vai ler. Portanto a pergunta é, para quem não é o Pipoco, fazer posts ao Domingo vale a pena ou é melhor sempre à Segunda de manhã?

      Eliminar
  34. Anónimo19.1.14

    Sou a anónima religiosa do Amém, e venho aqui profundamente indignada apresentar o meu manifesto de desagrado por ter sido votada ao ostracismo no meu direito de resposta.
    Vá, por esta vez passa...mas que não se repita a gracinha.
    SC.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo19.1.14

      Claro que não!...Disse amém1
      Não está bem?
      SC.

      Eliminar
  35. Às vezes o pipoco parece mesmo "a voz" da casa dos segredos (não sabe o que isso é, não é? Sorte a sua.)

    ResponderEliminar
  36. O meu comentário não teve resposta e nem foi publicado...

    ResponderEliminar
  37. Anónimo20.1.14

    Perco sempre as promoções on-line ao fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  38. Anónimo22.1.14

    Granda lata,essas dicas são para aumentares as tuas visitas!
    Os leitores gostam do que não prestam.

    ResponderEliminar
  39. Anónimo22.1.14

    100 comentários.

    ResponderEliminar