22 fevereiro 2013

Tal como hoje elas se perguntam como foi possível terem um dia alinhado na moda dos "cupcakes"...

...chegará o dia em que elas olharão para os instagrams que publicaram e suspirarão, perguntando-se como foi possível um dia terem achado que as unhas de gel eram uma boa ideia.

17 comentários:

  1. Quem passou pelas modas dos anos 80 e/ou dos anos 90, deve perguntar-se isso a cada década que passa, e prometer, "juro! desta vez é que tenho emenda e nunca mais me meto noutra!".

    ResponderEliminar
  2. Quando virá esse dia, senhores?

    ResponderEliminar
  3. pássaro viajeiro22.2.13

    Então e a bonita aparência, não conta?
    Estou mesmo a ver que daqui a nada vai discorrer que chegará um dia em que elas se interrogarão de como foi possível terem achado boa ideia discutirem sobre obras e maratonas literárias, com hora e meia de sessão cinematográfica... Duas, duas e meia, vá lá; que esses malditos russos quando começam a escrever não há quem os pare.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo22.2.13

    E as botinhas ortopédicas, aquelas Campbell?

    ResponderEliminar
  5. Pensei que se ia referir aos filtros dos instagrams... é que os filtros conseguem ser piores que isso do gel. Ou igualmente maus... Enfim, são ambos falsos...

    ResponderEliminar
  6. ... E tomar o pequeno almoço na Padaria Portuguesa...

    ResponderEliminar
  7. De tanto ouvir falar em unhas de gel por aqui, quase que sinto vontade de experimentar... bem talvez não. No meu caso também seria quase impossível, já que nem sequer pinto as unhas.

    Comi cupcakes algumas vezes e não vou dizer que não gostei, porque não corresponderia à verdade. E não foi uma questão de moda. Não vou em modas. Se gosto de algo, assumo independentemente de serem modas ou não. Foi uma experiência muito rápida, sou mais de tiramisu. Aí sim, com modas ou sem modas tiramisu e uma caipirinha. E tarte de amêndoa. E talvez tarte de limão. E talvez bolo de laranja e... por aí fora.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo22.2.13

    Oh, mas eu ainda alinhos nos cupcakes! E nos macarrons. E nos popcakes. Nas unhas de gel é que não alinho... nisso dou razão ao tio Pipoco.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo22.2.13

    O melhor mesmo é nunca aderir a nada! Assim daqui a uns anos posso olhar para as minhas fotografias e pensar que estou exactamente igual... Isso é que é uma vida entusiasmante!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo23.2.13

      Naaaaaa... nada disso! Isso é uma vida chata! Giro é olhar para as fotos dos anos 80 com poupas e permanentes cheias de laca. E casacos com ombreiras. É de rir. É entusiasmante. É suspirar e dizer "Onde é que eu estava com a cabeça?" e "Estou mais bonita agora com este cabelo-esticado-como-a-Marisa-Cruz do que quando tinha 20 anos e usava um caniche na cabeça". Pronto. É isso.

      Eliminar
    2. Anónimo23.2.13

      Não percebeu a ironia. Pronto. É isso.

      Eliminar
  10. Eu sou mais adepta de posts de comida.

    ResponderEliminar
  11. mas é tão mais divertido assim...

    ResponderEliminar
  12. eu não uso mas imagino que dê jeito pra coçar as costas.

    ResponderEliminar