28 outubro 2010

Das apostas

E depois há destes dias, alguma vez havia de ser, apostar tudo no seis vermelho e sair o cinco preto, as coisas são mesmo assim, a questão é que houve quem me dissesse que se calhar era melhor escolher o cinco preto, a bola a rolar, estava mesmo a ver-se que o seis vermelho estava longe, só eu é que acreditava que a bola acabaria por escolher o meu número, afinal escolhe sempre, isto é, quase sempre, nestes dias o melhor é apanhar ar fresco, abrir as janelas do carro, que importa se estão seis graus e são duas e meia da manhã?, escolher 30 Seconds to Mars em vez de Stacey Kent para ouvir alto, ir beber um gin tónico junto ao mar, pensar na vida, principalmente naquela parte em que se pensa se vale mesmo a pena ir sempre a jogo, sentir o fresco do mar, respirar, respirar sempre e ... voltar a jogar amanhã.

(era isto ou então escrevia sobre como estou confortável a ver episódios antigos do "Allo, Allo", chinelinhos nos pés, cobertor por cima das pernas, musiquinha de Toto Cotugno em fundo, se calhar não era tão snob-chic como aquilo do apostar)

6 comentários:

  1. Pois nao era nao, pipoco... mas tambem a vida é para aproveitar, sem exageros, claro. E se passa a semana a trabalhar tem que se dar um gostinho, nao é verdade? Mas olhe isso do mar e o ar, o ar e o mar... é tao fixe... e ajuda a relaxar-se.
    Bem, boa noite (que voce ja deve estar a ressonar) e eu... ainda vou dormir. Um abrazo desde Cancún ;)

    ResponderEliminar
  2. Caríssimo P,
    ir sempre a jogo não é para todos. Parabéns. Welcome.
    Cumps

    ResponderEliminar
  3. Admirável Sissi, sempre elegante.

    ResponderEliminar
  4. o meu pai a 1ª vez que jogou na roleta disse é 36 preto e assim foi! foi lindoooooooo

    não pelo dinheiro, mas ele é um máximo!

    viu o 36 numa camisola de alguém na entrada e foi com esse nº na cabeça!

    ResponderEliminar
  5. Mr. Popcorn, os momentos cozy são admitidos num ambiente snob-chic. Mas não convém abusar. A parte da manta em cima das pernas já tem um ligeiro odor a decadência.

    ResponderEliminar
  6. ai eu gosto muito da minha mantinha... nada snob ou chique mas gosto e pronto

    Ir a jogo é bonito, nem que seja pela adrenalina da coisa, convém só ter cuidado com o valor da aposta

    ResponderEliminar