09 junho 2010

Pipoco em modo blogoexcluído #2

Nunca ninguém plagiou um post meu.

São estes pequenos pormenores que me fazem crer no futuro da Humanidade.

19 comentários:

  1. ...ou então, tal como eu, pode acreditar que escreve posts que não merecem plágio.
    Antes assim.

    ResponderEliminar
  2. nunca ninguém ter plagiado é mau, se fosse podias medir a popularidade do blog assim e depois mostrares-te muito irritado :)

    ResponderEliminar
  3. Ah, e tal, Pipoco, és mesmo especial e escreves maravilhosamente, e aposto um milhão de euros em como és extremamente sensual, e tal...


    No future, caríssimo... (ler entoando o god save the queen)

    ResponderEliminar
  4. There, there ... já vai passar!

    ResponderEliminar
  5. Olha!
    Alguém se lembrou do mesmo que eu...
    Juro que não estou a plagiar ninguém, só agora é que vi.

    ResponderEliminar
  6. Sorri com o que disse a Ana Sofia Santos... ^^
    Okay, pronto... não foi apenas um sorriso. Foi um sorriso aberto. Com dentes e tudo.

    ResponderEliminar
  7. Meu já plagiaram... e eu fingi que não vi. Haja paciência.

    ResponderEliminar
  8. Mas aposto que boa parte da blogosfera já teve vontade!

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Nunca ninguém plagiou um post meu.

    São estes pequenos pormenores que me fazem crer no futuro da Humanidade.

    Ass: Tata.

    Já está, agora és um pipoco invejado

    ResponderEliminar
  11. veja lá: http://www.copyscape.com/

    ResponderEliminar
  12. Ana Sofia e Gingerbread

    espero sinceramente que nunca vos aconteça ver todos vossos sentimentos, desabafos, pensamentos, coisas sobre a vossa família, pai, mãe, irmãos, as coisas mais íntimas que já escreveram, e que por vezes custaram escrever, tudo escarrapachado no status de um facebook como saído da boca de alguém que não conhecem de lado nenhum.

    Talvez assim percebessem que não se trata de medir popularidade, mas de indignação e revolta. E que não é fingida.

    Mas espero que não, que nunca tenham de passar por isso. Mas se passarem, defenderei a vossa causa tal como defendi a minha, porque acho que é algo que não se deve deixar passar. E talvez aí até agradeçam a tal popularidade.

    Sejam muito felizes.

    ResponderEliminar
  13. ah foi aqui, que por acaso nem sabia do que se falava, só depois associei, há muita drama queen na net, não só com textos, mas com fotos e com tudo.
    Não sera a primeira nem a ultima... ai ai

    ResponderEliminar
  14. Luna, apenas para lhe dizer que esteve muito elegante neste seu comentário e que, naturalmente, o meu post não pretende de forma alguma desvalorizar o mau bocado que está a passar e que o se passou consigo foi absolutamente inqualificável e abjecto.

    ResponderEliminar
  15. Luna,

    Aquilo que escreveu é seu. Saiu de si, do seu punho. Isso, ninguém lhe pode tirar.
    Quanto ao resto, são contingências de um mundo onde vale tudo, mesmo tirar olhos.
    E reafirmo. Aquilo que escreveu era bom, ou mesmo muito bom, (confesso que ainda não li tudo) ao ponto de alguém querer transformar-se na Luna. :-)

    ResponderEliminar
  16. Não plagio posts, pois me parece bem simples cercar o texto com aspas e botar o nome do autor no final. Mas estou a um passo de copiar sua idéia do 'comentário extremamente inteligente da semana' (só me faltando um blogue descente e os respectivos comentários).

    ResponderEliminar
  17. Nem nenhum meu... e ainda bem.

    ResponderEliminar